Recife: o que fazer?

Recife: o que fazer?

 A capital pernambucana, Recife, é uma das cidades mais conhecidas do país. Sobretudo por sua multiculturalidade, pontos turísticos, opções de lazer, praias, restaurantes, bares, igrejas, entre outros. A cidade é a terra do frevo e de outras programações atrativas para os mais diversos gostos. Sobretudo aquelas que resgatam lembranças do povo nordestino. Sendo assim, confiram algumas dicas de locais que não podem deixar de ser visitados em Recife!

Recife Antigo: é o centro histórico de Recife, chamado de “Bairro do Recife”. O local é bem conservado com vários registros de cultura, inclusive nas paredes das ruas. Os amantes de história não podem perder esse passeio, já que há diversas construções coloniais, museus e os pontos turísticos mais famosos estão por lá.

Museu Cais do Sertão: localizado no centro histórico da capital pernambucana, conta com atrações que representam a cultura e a história do povo nordestino, além de obras de Gonzagão e apresentação do Rio São Francisco e Recife Universidades

Paço do Frevo: localizado no centro histórico de Recife, trata-se de um local destinado à história de um dos ritmos mais tradicionais do povo nordestino, o frevo. O museu possui obras de vários artistas que fizeram desse gênero, um patrimônio imaterial da cultura da humanidade.

Torre Malakoff: foi construída no século 20, mas funciona como espaço destinado à programações culturais como exposições e apresentações, desde 2000. Do terraço da torre, é possível ter uma vista privilegiada da cidade de Recife e Olinda!

Pátio de São Pedro: é uma praça cercada de construções coloniais, além de ser sede da Concatedral de São Pedro dos Clérigos e dos Memoriais Chico Science e Memorial Luiz Gonzaga. Além de abrigar bares, restaurantes e apresentações artísticas e culturais, especialmente no período de carnaval.

Recife Universidades

Praça do Marco Zero ou Rio Branco: também localizada no centro histórico de Recife, está rodeada por construções do período colonial. A vista para os arrecifes e o oceano atlântico é incrível! Para os amantes de artesanato, o local também abriga um dos mercados mais famosos da cidade.

Paço Alfândega: é um shopping no centro histórico. Apesar de não abrigar muitas lojas, pode ser o local ideal para realizar uma refeição ou descansar depois de um dia todo andando pelas ruas do Recife Antigo. A principal atração do local é o terraço, que oferece uma vista incrível para as famosas pontes de Recife, cartões postais da cidade.

Ponte Maurício de Nassau: sua construção foi ordenada por Maurício de Nassau, em 1630. A estrutura foi ampliada em 1917 e atualmente recebe diversos turistas e moradores locais diariamente. As vistas à partir de lá, são incríveis!

Igreja da Madre Deus: é uma das mais importantes igrejas católicas em estilo colonial da região, construída em 1720. O local ainda mantém intacta a fachada com esculturas construídas com pedras dos arrecifes!

Capela Dourada ou Capela dos Noviços: templo lindíssimo, localizado na Rua do Imperador e construído nos estilos barroco e rococó. Seu interior é repleto de ouro e jacarandá, demonstrando o poder, ostentação e domínio da igreja católica em 1967, quando foi inaugurada.

Rua da Aurora: é a principal rua saindo do centro histórico em direção aos bairros de Boa Vista e Santo Amaro. Repleta de construções coloniais, as vistas de lá costumam ser incríveis durante todo o dia. É uma das atrações imperdíveis!

Casa de Cultura: trata-se de uma feira permanente de artesanato com diversos tipos de produtos como ímãs, enfeites, quadros, livros, comidas típicas e até roupas. É a antiga Casa de Detenção de Recife!

Mercado São José: é o mercado público mais antigo do Brasil, estando em funcionamento desde 1875 e oferecendo aos visitantes atrativos artesanais nordestinos e pernambucanos, além de preços bastante acessíveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *